O PODER DO VERDE NA DECORAÇÃO

Tons de verde trazem calma sem perder a energia do que é novo. Garante uma decoração tranquila, mas com muita energia

O verde é uma cor secundária formada pela mistura do azul com o amarelo. Por isso, ele traz a calma do azul e a energia do amarelo. Por ser muito associado à natureza, o verde dá a sensação de frescor, tranquilidade, calma e revitalização. Sendo assim, é uma ótima cor para decorar a sua casa, seja apenas em alguns detalhes ou em todo um cômodo.

Se você tem o gosto tradicional e tem medo de arriscar, pinte apenas uma parede de verde limão para se acostumar com a cor. Quando a decoração é mais sóbria, com móveis com linhas modernas e em cores neutras, o verde limão vai dar um toque de alegria ao resto da decoração.

Já o verde-menta é fresco, futurista e, ao mesmo tempo, medicinal. O Verde passa muita tranquilidade, é suave e está associado à natureza. Por tudo isso, olhar para ele traz a sensação de paz interior.

Na tonalidade menta, ou cheiro-verde, como algumas marcas de tinta o batizaram, no entanto, essa tranquilidade tem uma pitada de vibração.

Na casa, para quem faz o estilo moderno, bons parceiros para a cor são o lilás-acinzentado, os azuis suaves, o aço e o vidro.

Há um pouco de amarelo no verde do sorvete de menta. Assim, a cor irradia de um jeito diferente do verde-bandeira. Enquanto este é mais frio, o menta é aconchegante, aproxima. É o calor do amarelo que faz a energia subir de frequência.

Embora a cor seja associada à reparação da saúde, às plantas, ao equilíbrio e ao repouso, segundo a cromoterapia ela precisa de um pouco de vibração para não levar a decoração à apatia. É o que os verdes mais ácidos prometem entregar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *